Início » Educação » De boas intenções o inferno está cheio

De boas intenções o inferno está cheio

A reunião de Alexandre Frota e de representantes do grupo Revoltados Online com o ministro da Educação Mendonça Filho poderia servir de pano de fundo para o jogo do mil erros. Esse evento não deveria ser motivo de chacota pelo fato de um ex-ator pornô expressar seu interesse pelos rumos da educação do país. Situações análogas ocorrem há já algum tempo. O ator Arnold Schwarzenegger foi governador da Califórnia. A ex-atriz pornô Cicciolina foi deputada do parlamento italiano. Honestamente, não é isso que me preocupa agora. A preocupação com a vida privada dos representantes políticos é o resultado de uma perspectiva que sustenta que um bom governo é o resultado de um governante moralmente bom. No entanto, quando as instituições políticas estão corrompidas, a corrupção é o único modo de governo.

Voltemos ao jogo dos mil erros. O que torna a reunião com o ministro da educação o espelho de uma constelação de equívocos? Serei o mais didático possível.

1. Base Nacional Curricular Comum – A BNCC está prevista pela Constituição Federal de 1988. Desde então, diversos documentos e encontros foram realizados visando a elaboração de conteúdos mínimos para a educação nacional. A partir do ano passado, esses eventos foram intensificados, e a sociedade civil foi convidada a participar dessa discussão. Já existe, portanto, um amplo debate que vem sendo realizado para definir os rumos da educação no Brasil. A reunião com o ministro da educação, de uma só vez, ignora toda a trajetória histórica de debates e documentos que vem resultando na elaboração da Base Nacional Curricular Comum.

2. Escola sem partido – Uma das principais propostas dessa reunião é o fim da doutrinação ideológica nas escolas. De acordo com essa proposta, a rede escolar brasileira teria se tornado um espaço de catequese político-partidária. De fato, a escola não é lugar de doutrinação do PSDB, do PMDB, do PP ou do PT. No entanto, em nenhum momento é identificado de que modo essa doutrinação é realizada. Como é realizada? Quais escolas realizam essa doutrinação? Quais ideologias são transmitidas? Como não existe um diagnóstico desse fenômeno (se é que eles sabem como diagnosticar o que nem eles mesmos conhecem) e como aquelas perguntas não são respondidas, o efeito imediato dessa proposta é criar um ambiente de perseguição e de controle nas instituições escolares.

3. Educação – A experiência não leva, necessariamente, à competência. Contudo, os primeiros que deveriam ser ouvidos a respeito da educação são os profissionais envolvidos diretamente com a educação: os professores. A reunião com o ministro da educação não indica uma preocupação da sociedade civil com a educação, e sim justamente o contrário: o desprezo pelos próprios agentes da educação. Todo mundo fala sobre educação, mas ninguém quer ouvir o que o professor tem a dizer. A preocupação com a educação passa, em primeiro lugar, pelo profissional de educação. Depois dos professores, ainda teríamos os pesquisadores de educação, que também não foram ouvidos. O Alexandre Frota pode ter boa vontade, mas o que me garante que ele sabe mais dos problemas da escola do que os professores ou os pesquisadores (ou, ainda, os próprios alunos)?

Logo essa reunião será motivo de piada. Entretanto, é preciso fazer a crítica rigorosa desse tipo de evento. A política não corrompida respeita o processo de decisão e debate institucionalizado, realizam diagnósticos a respeito do funcionamento de suas instituições, respeita o saber elaborado pelos profissionais diretamente envolvidos em seu processo. Nada disso foi atendido. A reunião de Alexandre Frota e de representantes do grupo Revoltados Online com o ministro da Educação Mendonça Filho, portanto, nada mais é que um ato corrupto e oportunista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: